domingo, 19 de fevereiro de 2012

[+18] Amante Sombrio


Nome: Amante Sombrio
Título Original: Dark Lover
Série: Irmandade da Adaga Negra
Autora: J. R. Ward
Editora: Universo do Livros
Livro: Skoob
Sinopse:
Nas sombras da noite, em Caldwell (Nova Iorque) se desenrola uma sórdida e cruel guerra entre os vampiros e seus carrascos. A Irmandade e seus caçadores e os assassinos. E existe uma Irmandade Secreta de seis vampiros guerreiros, os defensores de toda a sua raça. Nenhum deles deseja aniquilar a seus inimigos com tanta ânsia como Wrath, o campeão da Irmandade da Adaga Negra. Wrath, o vampiro de raça mais pura dos que povoam a terra, tem uma dívida pendente com aqueles que, há séculos, mataram seus pais. Quando morre um de seus mais fiéis guerreiros, deixando órfã uma jovem mestiça, ignorante de sua herança e seu destino, não resta a ele outra saída senão levar a bela jovem para o mundo dos não mortos. Traída pela debilidade de seu corpo, Beth Randall se vê impotente para resistir aos avanços desse desconhecido, incrivelmente atraente, que a visita toda a noite, envolto nas sombras. Suas histórias sobre a Irmandade a aterrorizam e a fascinam... E seu simples toque provoca chispas de um fogo que pode acabar consumindo a ambos.


Eu vou tentar manter ao máximo que minhas resenhas dessa série sejam pequenas e sem minhas opniões tendenciosas, mas já aviso que é quase que impossível, porque eu simplesmente amo esses guerreiros e quero todos para mim. Papai Noel, sei que o natal está longe, mas já posso encomendar a Irmandade da Adaga Negra para mim? Fico imensamente agradecida!

Eu já conheço essa série há uns bons dois ou três anos. Surto por cada livro lançado em inglês e sofro pelos lançados em português, porque nem sempre eu posso bancar o preço que a editora colocou. Não vou criticar, porque entendo o lado deles e também porque o foco disso aqui não é esse. Enfim, sou completamente apaixonada pela escrita da J R Ward. Ela te envolve de uma tal forma, que você fica realmente deprimida a cada última página lida, porque você volta a realidade e percebe que aquele homem todo lindo, intenso e cheio de amor para dar não passa de um personagem. O mundo que você acabou de 'vivenciar' é em uma sociedade imaginária.

Wrath é o rei do vampiros. Em suas veias, não corre uma gota de sangue humano. É o último puro sangue da raça. Todo e qualquer vampiro deve lamber o chão que ele pisa, porque essa é a forma que eles vivem, e isso deixa Wrath muito revoltado. Ele não quer ser rei, ele é um guerreiro. Um irmão da Irmandade da Adaga Negra. Em sua concepção, ele não deveria estar atrás de uma mesa governando, ele tem que estar lá fora, na ruas de Caldwell defendendo os da sua raça. Usando adagas, armas e seus punhos para fazer a justiça.

Beth Randall é apenas uma jornalista. Trabalha no Caldwell Courier Journal fazendo suas matérias e revisando artigos de outros jornalistas, tem uma vida normal. Mora sozinha com o seu gato Boo e estava indo muito bem, não tão bem quanto ela queria, mas conseguia pagar suas contas e sobreviver. Mas sua vida muda completamente quando um enorme homem usando óculos escuros entra pela sua porta a noite. A partir dali, sua vida nunca mais seria a mesma.

Wrath achava que os humanos eram gado, animais. Não nutria qualquer tipo de sentimento bom pela humanidade, e todos sabiam disso, inclusive Darius, um dos seus irmãos da Irmandade. Darius tem uma filha mestiça, Beth: Beth é metade vampiro, metade humana. E Darius mesmo sabendo desse despreso que Wrath sente pelos humanos, pediu para que seu irmão cuida-se de Beth, quando a transação dela acontecesse. Todo vampiro passa pela transação quando alcança os 25 anos, e na transação é preciso que o vampiro beba sangue de outro vampiro para conseguir passar por isso, e ela sendo uma mestiça, tinha grandes chances de morrer. Wrath tinha um sangue puro, logo, seria a melhor chance de Beth conseguir passar pela transação.

Wrath prontamente nega, mas um acidente terrível acontece com Darius e ele se obrigado em cumprir com o desejo de seu irmão. Com isso, ele vai de encontro a Beth. Quando ele cruza a porta da casa dela, se vê totalmente atraído por aquela humana. Aqui, a nossa história começa e aí você, meu caro leitor, é transportado para uma história de amor linda. A história é tão ótima e envolvente que quando acaba o livro, não importa se tem mais livros da série, sendo que com outros personagens, você quer um Amante Sombrio 2, 3, 4... 98! E você tem essa vontade em cada livro dessa série, você quer saber mais e mais desses personagens. O livro tem quase 500 páginas, mas é tão gostoso de ler que você não percebe o tempo voar. Você começa a ler, quando percebe já está no capítulo 50 e se desespera, porque o livro já está acabando. Eu já reli esse livro umas 7 vezes e não me canso nunca da história!

O que falar das cenas de sexo? É uma coisa tão linda e bem escrita que você fica com inveja da Beth. Você sente vontade de roubar o Wrath pra você, roubar o amor que ele sente pela sua amada Beth e transferir para você, apenas para saber a sensação de como é ser amada incondicionalmente por esse homem. Wrath é intenso e não tem vergonha de mostrar o amor que sente por Beth, nem mesmo na frente de seus irmãos. E o amor deles é tão intenso que você se envolve de tal maneira que você ri, se emociona, fica triste junto com eles. É simplesmente lindo e perfeito!

Papai Noel, por favor, não se esqueça do meu pedido!

Nota: ★★★★★

Photobucket

Nenhum comentário:

Postar um comentário